La Orfebreria (A Ourivesaria)
Carles Codina

Editorial Estampa


Mais uma fantástica obra desse mestre joalheiro espanhol que alia conhecimento à didática.

Idioma: Espanhol – português (e outros)

160 páginas - 7 capítulos.

Setembro / 2002

Colorido (muito), ricamente ilustrado com fotos e desenhos.

Nessa obra Codina dá um destaque especial para a prata, apresentando o trabalho de mestres prateiros confeccionando algumas peças em tornos enormes. Fala também da Platina (fusão – forja – solda).

 

Resumindo o conteúdo:

  • Técnicas básicas: Dicas de solda – Diversos trabalhos com fios metálicos – Montagem do colar (fiação) numa apresentação rápida e simplificada – Textura (jato de areia – impressão por laminação)

  • Técnicas intermediárias: Confecção da corrente Grumet – Confecção de alguns fechos (apresentação rápida)

  • Técnicas avançadas: Kum Boo – Gravação com buril – Incrustação de metais

  • Outros: Galvanoplastia (banhos eletrolíticos – rodinagem) – Acabamentos mecânicos (vibrador e rola-rola) e Eletropolimento – Técnicas alternativas e artesanais de fundição – Modelagem em Cera – Noções de Estamparia – Punções.

  • Capítulo dedicado às Gemas com informações teóricas a respeito de origem, sistemas cristalinos, características etc. – Trabalho da extração – Diamante – Pérola – Apresentação de etapas da Lapidação.

Apresenta alguns artistas joalheiros e suas respectivas formas de criação.

Aborda ainda temas da Mercadologia – Fotografia da jóia e apresenta Galeria de Peças.

Encerra a obra com a confecção de algumas peças mostradas passo a passo em fotos claras, de forma bastante didática, usando algumas das técnicas anteriormente apresentadas.

Destaque para a técnica que possibilita reproduzir (artesanalmente) em fundição por Cera Perdida modelos delicados e flexíveis como folhagens ou palha (capítulo “Fundição e estampagem artesanais” – Preparação de Modelos Naturais).

Ponto Positivo: A língua - espanhol ou português. Bastante didático. Soluções simples para coisas que parecem complicadas.

Ponto Negativo: Alguns materiais que não conseguimos “saber o que é” ou como encontrar no Brasil, apesar de serem poucos.

Resumindo: Se me perguntassem, não saberia indicar qual livro de Codina escolher (“A Ourivesaria” ou “A Joalharia”). Os dois são muito bons. Talvez num primeiro momento “A Joalharia”, mas sem dúvida comprometer-se a adquirir “A Ourivesaria” assim que possível.

Apenas um último detalhe: Esse autor possui ainda outros títulos.